Blog Qualinova

COMO O ESTRESSE COMPROMETE A ELASTICIDADE E O VIÇO DA PELE24/06/2019



O estresse do dia a dia pode afetar seu corpo mais do que você imagina. Além do humor, da disposição e do sono, o estresse compromete a pele também.
Quando enfrentamos uma situação estressante ou estamos mentalmente estressados, iniciamos uma produção exagerada de radicais livres que quebram as fibras de elastina e colágeno que constroem nossa pele. O resultado será uma maior propensão à linhas finas, flacidez e manchas.
Vários estudos publicados no American Journal of Medicine mostram que uma rotina puxada é tão nociva para a pele quanto antigos vilões como o cigarro, o sol e a poluição.
O cortisol, hormônio liberado em resposta ao estresse, é o inimigo número um do colágeno, quebrando o tecido conjuntivo que mantém a pele firme e tensa, deixando mais evidente as rugas e manchas da pele.
Além disso, o estresse aumenta a produção de adrenalina, que diminui a circulação sanguínea da pele, fazendo que ela fique sem brilho e cada vez mais opaca.
Vamos ser sinceros, exterminar os elementos estressantes do dia a dia não é algo tão simples assim. 
Por isso, a indústria da beleza colocou no mercado inúmeros produtos que ajudam a minimizar os efeitos do estresse na pele. Incluir produtos com antioxidantes é a melhor saída.
Os antioxidantes têm moléculas que se conectam aos radicais livres e impedem ao máximo a destruição do colágeno. A Vitamina C é uma das principais substâncias amiga do colágeno. 
Os tratamentos IN&OUT atuam de dentro para fora, auxiliando na correção interna, permitindo que o tratamento estético tenha o resultado esperado.
Por isso, podemos dizer que o consumo de colágeno líquido permite que o corpo funcione bem por dentro e te deixa linda por fora!
Tire o pé do acelerador, não deixe que o estresse prejudique sua pele
Procure manter uma rotina de exercícios físicos, aliados com uma dieta balanceada e uma boa noite de descanso.
E na hora de suplementar o colágeno, pensou em Colágeno Líquido Qualinova
 

Leia Também




Comentários